Costumo dizer aqui em casa: “o bom da vida é ter história para contar”. É, acho que já temos história suficiente para dividirmos com algumas pessoas, pessoas que se interessar em saber o quão difícil é morar numa república mas é claro que o lado bom da história supera o “difícil”. Brigas, desentendimento, provas, faculdade, namorados, família, amigos, loucuras,  piada, risada, maluquice, trabalhos, festas, comida, dinheiro, saudade, interior, enfermagem, música, notebooks, escadas, ladeira, jornalismo, intrigas, divertimento, telefone, psicologia, doces, colchão, escritora, fuxico, informática, roupa, esmalte, foto, facebook, msn, brigadeiro, “vinho”, sujeira, emoção, flamengo, colorido, animação, estudos, conselhos, cadeira, rack, espelho, chapinha, livros, bagunça, pensamentos em vão …

Feito por mim, Anna Gallyack